Uncategorized

A desvalorização do professor

aline No Comments

A desvalorização do professor

por Raquel Branco

O tema de hoje é: A desvalorização do professor no Brasil. Esse é um tema importante, sendo atual e necessário para conscientização.

A solução para vários problemas atuais do nosso país é a falta de informação e de educação da população em geral. É como diria Pitágoras “Eduquem as crianças e não será necessário castigar os homens”. É possível o país ir para frente sem ter educação de qualidade? Sem valorizar o profissional?

Falta de verba

 

 

A falta de verba voltada para educação é um caso sério. Os professores no Brasil são mal remunerados, isso todo mundo sabe. Além disso, eles passam por diversas dificuldades para conseguir trabalhar como a falta de infraestrutura para dar aulas, salas muito cheias, escolas com difícil acesso. Assim, é por esses motivos que cada vez menos jovens se interessam em escolher essa profissão.

Violência nas escolas

Não é raro ouvir caso de professor que precisa ser escoltado para o trabalho, pois sofreu alguma violência de alunos. Casos de violência físicas acontecem principalmente nas escolas públicas, mas o desrespeito acontece em ambas as escolas públicas e particulares. Há um desinteresse geral por parte dos alunos, e nem sempre a culpa é do professor. O nosso sistema de educação é falho, há uma necessidade urgente de uma reforma curricular.

Tecnologia aliada ao ensino

Além de todos os problemas, a profissão do professor tem mudado muito. A tecnologia tem invadido a nossa vida e o ensino não fica fora dessa. O professor tem que se atualizar e aprender novos recursos, o uso de computadores, projetores e tablets podem tornar a aula mais didática e interessante. A tecnologia torna possível que o conhecimento possa extravasar a sala de aula. Hoje é possível fazer cursos a distância, assistir às aulas no Youtube de graça em vários canais (inclusive o nosso :P), usar de aplicativos e outros meios para adquirir conhecimento além do método tradicional.

Vamos, então, aos repertórios:

  • Infância, de Graciliano Ramos.

 

Livro bibliográfico que retrata a vida do autor nos primeiros anos de escola até sua puberdade. A obra mostra como a personalidade do autor foi construída por intermédio de experiências de dor e angústia que vivenciou quando mais novo.

  • Estudo errado, de Gabriel o Pensador

Música que critica o sistema de ensino:

“Manhê! Tirei um dez na prova

Me dei bem tirei um cem e eu quero ver quem me reprova

Decorei toda lição

Não errei nenhuma questão

Não aprendi nada de bom

Mas tirei dez (boa filhão!)”

  • Pro dia nascer feliz, 2007

Documentário sobre o sistema precário de ensino público do Brasil. Mostra adolescentes de diferentes estados e classe sociais falando de suas vidas na escola.

Soluções para o problema:

  • Um país só se desenvolve quando se investe muito em educação e pesquisa e o professor tem um papel fundamental de ensinar os jovens que são o futuro do país. É necessário mais verba e salário melhor.
  • Reforma curricular nas escolas melhoria o desempenho dos alunos, os incentivaria a gostar e querer participar das escolas.
  • Treinamento de professores para saber utilizar de novas tecnologias e tornar a aula mais didática, atual e prazerosa.
  • Apoio ao professor caso ele passe por algum tipo de violência e campanhas para motivar o respeito com professores e colegas.

 

Não perca nenhuma dica!

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu email.