O que esperar da redação da UERJ 2022?

uerj 2022
UERJ

O que esperar da redação da UERJ 2022?

Se você vai prestar o vestibular da UERJ em 2022, já deve estar se perguntando: o que esperar da redação? Para te ajudar com isso, nós separamos algumas informações importantes. Caso você ainda não saiba, desde 2017, o tema da redação é tirado de uma obra literária pré-indicada pela banca avaliadora. Este ano, o livro escolhido foi “Uma janela em Copacabana, do autor Luiz Alfredo Garcia-Roza.

O enredo é mais ou menos o seguinte: três policiais são executados em um curto espaço de tempo. Todos eles eram tiras de segundo escalão, possuíam carreiras medíocres e foram eliminados pela mesma pessoa, um assassino que dispara à queima-roupa e não deixa rastro. O mundo policial entra imediatamente em rebuliço e o delegado Espinosa é encarregado de desvendar o caso, descobrindo que os crimes são consequência de um forte esquema de corrupção e lavagem de dinheiro entre os policiais.

A obra “Uma janela em Copacabana”, é um romance policial e levanta temáticas importantes, como por exemplo:

  • criminalidade e segurança pública;
  • corrupção praticada pela polícia;
  • desmilitarização da polícia;
  • gentrificação do espaço urbano.

Além disso, o autor perpassa outros temas secundários como:

  • alcoolismo;
  • homofobia;
  • importância da leitura;
  • pessoas em situação de rua.

O que esperar como tema de redação da UERJ 2022 então? Qualquer assunto que seja polêmico e que, ao mesmo tempo, tenha sido retratado em alguma parte da obra. Desse modo, para se ter uma ideia do tipo de enunciado que você vai encontrar, é interessante observar as temáticas dos vestibulares anteriores da UERJ.

Temas de redação de vestibulares anteriores da UERJ

Quem vai prestar o vestibular da UERJ 2022 também precisa se antenar sobre os temas de redação que já caíram em outros vestibulares. Mas, por que isso é importante afinal? A resposta é: para conhecermos o estilo de enunciado da banca examinadora. Se você observar de perto, vai notar que a banca costuma seguir o estilo de título interrogativo. Normalmente, é feita uma pergunta que levará o aluno a refletir sobre o assunto. Sabendo disso, você consegue ter uma ideia do que esperar da redação da UERJ 2022.

Além disso, outra coisa importante de você saber é que a banca examinadora realmente quer saber a sua opinião acerca do tema proposto. E, ao contrário do ENEM, você pode argumentar em primeira pessoa. Também não é preciso ter medo sobre a própria opinião. Os corretores não esperam que você tenha uma visão positiva ou negativa sobre o assunto. O importante, unicamente, é que você tenha uma opinião e saiba argumentar sobre ela em uma dissertação. Se o que você vai falar agrada ou desagrada os corretores, pouco importa. Se você tem curiosidade em saber mais sobre esse assunto, é interessante dar uma olhada nesse artigo escrito por Gustavo Bernardo, diretor do Departamento de Seleção Acadêmica da UERJ.

Assim, conforme dito anteriormente, desde 2017, o tema da redação é tirado de uma obra literária que o aluno deve ler antes de fazer a prova. Foram elas:

  • 2018: Dom Casmurro, de Machado de Assis

Comando: a verdade pode ser estabelecida com base em uma única perspectiva?

  • 2019: O Seminarista, de Rubem Fonseca

Comando: é justificável cometer um crime para vingar outro crime?

  • 2020: Vidas Secas, de Graciliano Ramos

Comando: o que leva pessoas, em condições semelhantes às de Fabiano, a se considerarem inferiores às demais?

  • 2021: 1984, de George Orwell

Comando: A mentira programada é uma arma política válida para conquistar o poder e sustentá-lo?

Aposta de tema para a redação da UERJ 2022

Para 2022, uma grande aposta para a redação é algum tema que se relacione com a corrupção. Um exemplo de enunciado, vinculado à obra “Uma janela em Copacabana”, do autor Luiz Alfredo Garcia-Roza é:

Muito se diz sobre a corrupção ser algo inerente aos seres humanos, mas, também, é quase unanimidade a associação de atos corruptivos ao desvirtuamento e à falta de cuidado com o bem comum, o que desperta os mais variados debates sobre como seria possível romper com essa cultura de suborno e desvirtuamento. 

A partir da leitura do romance, escreva uma redação dissertativa-argumentativa, com 20 a 30 linhas, em que discuta a seguinte questão: é possível combater a corrupção ou ela é algo inerente ao ser?

E aí? Você já tem uma ideia de como falar sobre isso? Nós aqui do Salto escrevemos uma redação-modelo sobre esse assunto e também fizemos uma análise superdetalhada sobre a obra, que você confere aqui. Nela, trouxemos repertórios atuais sobre cada uma das temáticas levantadas pelo livro “Uma janela em Copacabana”. Desse modo, não vão faltar argumentos para a sua dissertação. E, isso não é só. A análise literária em questão possui um capítulo específico sobre o que esperar da redação da UERJ 2022. E ainda: detalhamento sobre a narrativa, o autor, a linguagem, o enredo, o tempo e espaço em que tudo acontece na obra. Com certeza, esse material irá ajudar você a dar um gás nos estudos.

Agora, se você está em vista de outros vestibulares além da UERJ, saiba que muitos deles ainda estão com inscrições abertas e, você pode conferir mais sobre isso nesse nosso artigo.

Esperamos ter ajudado muito você com esse material. Não deixe de comentar aqui embaixo quais são as suas expectativas para o vestibular. Se quiser, também pode deixar uma pergunta pra gente. Estamos sempre dispostos a ajudar e, no que depender do Salto, em 2022, você já vai estar dentro da universidade dos seus sonhos.

Acesse também a nossa análise da obra da redação da UERJ 2022 no Youtube. Temos certeza que irá te ajudar a fixar o seu aprendizado!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter